Drones

Mortos. Mortos por alguém frio que só queria poder, que, com ninguém, se importava. Mortos. São da minha família, são da sua. São meus amigos, são seus. Mortos por alguém que usou mal sua cabeça. Mortos por tentarem ser alguém. Mortos. Estou morto por dentro. Estou morto por ver um mundo dominado por psicopatas. Eles … Continue lendo Drones

The Globalist

Podemos ter tido um momento de paz, um momento de virtude, um momento de esperança, mas isso não quer dizer que os problemas acabaram. Devemos lutar por um mundo melhor. (...) É estranho imaginar como o 'jogo vira'. Antes, aquele opressor, com tamanho poder, estava ali no chão, com suas vestes rasgadas, sujas, sangradas. Parece … Continue lendo The Globalist

Aftermath

Em teus braços encontrei o amor e o refúgio que outrora sonhara para mim. (...) Sujo, cansado, faminto, revestido por sangue. Finalmente em casa. Ao abrir a porta, volto a sorrir. Encontro a felicidade no sorriso de uma pessoa. Aquela que sempre me deu carinho, me deu forças e me deu abrigo, recebendo-me com gentil sorriso. … Continue lendo Aftermath

Revolt

Reaja! Você é capaz de erguer a cabeça e seguir. Seja guerreiro. Você pode se rebelar. (...) "Reaja!". Essa frase me motivou a sair daquele chão frio, mesmo não sabendo de quem era. A liberdade estava próxima. Poucos passos e logo estaria longe dali. Mas não posso sair. Há uma guerra ali dentro. Devo ficar … Continue lendo Revolt

Defector

Livre! Sim, estou livre. (...) _ Fuja! Fuja, desertor. Aquelas palavras. Aquele sorriso de deboche. O que fazer? Estou fraco. Pense! Você precisa escapar daquilo. Sua liberdade está em jogo. Precisa fugir de seu opressor. É você quem comanda sua vida, não ele. Ele não pode mais te controlar. Não pode comandar sua vida. E … Continue lendo Defector

The Handler

Então, era aqui que você se escondia? (...) Destruição em massa. Sangue. Fogo. Gritos. Guerra. Levanto-me daquele chão frio. Machucado. Vestes rasgadas. Caminho. Devagar. Manco. Gritos. Choros. Tragédia. Caminho. Manco. Paro. Uma luz. Uma sombra. Passos. Caminho. Manco. Os passos se aproximam. Alguém me observa. O medo me controla. Caio no chão. Choro. Meu opressor. … Continue lendo The Handler

Reapers

Um grande líder sabe muito bem como matar, oprimir, comandar e continuar sendo venerado. (...) Sangue por todos os lados. Destruição, fogo, maldição. Pessoas se matando, alegando que são traidores de seu senhor. O líder, pouco se importa. "Deixem-nos se matarem". Não há paz. Todos querem seu lugar ao sol. São controlados por falsas linhas. … Continue lendo Reapers

Mercy

Herois, ataquem-no! Ele é um traidor. Não pode fugir! Sabe de todos os nosso segredos. (...) Dor. Sofrimento. Sou inimigo de todos. Ou será que são todos meus inimigos? Poder. O poder me subiu à cabeça. Tentei libertar a todos e o que fiz foi exatamente o contrário. Matei aqueles que não me obedeciam. Causei … Continue lendo Mercy

Psycho

Aquele ali, observando a todos. Consegue vê-lo? Ele pensa! Pode ser um perigo a todos. Também pode ser uma máquina interessante de se matar. Podemos transformá-lo num drone humano. Basta sabermos manejá-lo bem. Não vamos perder tempo! Traga-o para cá. (...) Correntes, filas, imagens, veneração. Por que todos estão fazendo isso? Não percebem o quão … Continue lendo Psycho

Dead Inside

Reaja! - Gritava uma voz ao fundo, porém distante. (...) Morto. Estou morto? Não vejo ninguém, não ouço ninguém. Tudo está tão escuro. Sinto o chão gelado nas minhas costas. Minhas vestes rasgadas, sou capaz de jurar que não há pudores. Do que me lembro? De pouca coisa. Ali está uma figura estranha. Gigante. Iluminada. … Continue lendo Dead Inside