Carta a quem um dia esteve

Talvez, algum dia, você não esteja mais aqui para este conto ler. Quando acontecer, tarde demais há de ser. Alguns litros de confiança e dois ombros para chorar, suficientes para … Continuar lendo Carta a quem um dia esteve

Bird set free

Era um bar como os de antigamente. Aquela iluminação amarelada e mais fraca, lustres antigos, velas bem distribuídas, um palco de madeira e um barman atrás do balcão. Todos se … Continuar lendo Bird set free

If the World Didn’t Suck (We Would All Fall Off)

Quando eu tinha apenas dois anos,  meu pai, segurando-me em seus braços, olhou-me nos olhos e disse: “Você é capaz de dar seus próprios passos”. Pôs-me no chão e a … Continuar lendo If the World Didn’t Suck (We Would All Fall Off)