Trago a batida

Vindo de tão distante, Com paisagem tão estranha, Onde todo mundo dança, Mas ninguém encontra no mapa. O costume aqui é tão louco, Mesmo com luzes tão brilhantes e coloridas Ouço uma canção ao fundo, Mas aqui no centro ninguém dança. Nem um passinho curto E a pista ali largada O terno preto e a … Continue lendo Trago a batida